Ciências Básicas

Coluna

Infantil

Joelho

Mão

Ombro

Tornozelo e Pé

Quadril

Tumores

Discussões Hálux Rígido

Questão Hálux Rígido 001

Discussão:

 o processo se incia com lesão da cartilagem dorsal da cabeça do primeiro metatarsal, progredindo com sinovite, destruição da cartilagem, osteofitose e destruição óssea subcondral, provavelmente de início na adolescência após evento traumático.

Questão Hálux Rígido 002

Discussão:

Não representa uma forma clínica de artrose, mas sim como uma consequência de microtraumatismos que levam a osteofitose dorsal e restrição da dorsiflexão.
Na avaliação, é importante testar a dorsiflexão. A flexão plantar não está comprometida, mas a patologia é conhecida como Hálux flexus pois, para evitar a dor da dorsiflexão, o paciente tende a fletir a MTF.
Embora o 1000 questões coloque que há três estágios (1 – osteofitose sem redução do espaço articular, 2 – redução parcial; 3- redução difusa), sua fonte é o campbell 10. No 12, a classificação utilizada é de Coughlin e Shurnas, que conta com 5 graus:
0 – rigidez, sem alteração ao rx.
1 – dor leve aos extremos de mobilidade, osteófito dorsal leve, espaço normal.
2 – dor moderada com ADM progressivamente mais constante, osteófito dorsal moderado, <50% de redução do espaço articular.
3 – rigidez moderada, dor em ADM extrema, sem dor em média amplitude, <20 graus de ADM; osteofitose dorsal grave e >50% de redução do espaço.
4 – rigidez grave, dor constante e inclusive na mobilidade passiva, <20 graus de ADM, osteofitose dorsal grave e >50% de redução do espaço.
Tratamento: inicialmente conservador com analgesia e sapato de solado rígido.
Cirúrgico: refratário.
Graus iniciais (1 e 2): queilectomia; Moberg (cunha de fechamento dorsal para ganhar dorsiflexão; utilizada principalmente para corredores quando queilectomia foi insuficiente).
Keller: idosos, baixa demanda; contraindicado em pacientes com hiperextensão rígida da 1ª MTF. Maus resultados. Campbell cita também artroplastia de interposição. Complicações: cock-up, fraqueza na impulsão, Metatarsalgia de transferência.
Graus tardios (3 e 4): predominantemente artrodese.

Questão Hálux Rígido 003

Discussão:

O processo degenerativo se inicia na porção dorsal da cabeça do primeiro meta, secundário a microtraumas repetidos.

Questão Hálux Rígido 004

Discussão:

No hálux rígido, é descrita como restrição da dorsiflexão. Entretanto, não há descrito em nenhum lugar de quantos graus seria; tem-se apenas que o objetivo da queilectomia é recuperar a dorsiflexão.

Questão Hálux Rígido 005

Discussão:

Não foi observada associação entre hálux rígido e: primus elevatus (dorsiflexão do falange proximal do hálux), hipermobilidade do primeiro raio, primeiro meta longo, encurtamento do aquiles ou gastrocnêmio, postura naormal do pé, hálux valgo sintomático, início na adolescência, sapatos ou ocupação.
Há associação com hálux valgo interfalângico, envolvimento bilateral em pacientes com história familiar, unilateral em pacientes com história de trauma, gênero feminino.

Questão Hálux Rígido 006

Discussão:

Conhecido também como hálux flexus, pois o hálux é mantido em flexão para evitar a dor da dorsiflexão.

Traumatologia e Ortopedia

New Report

Close