Ciências Básicas

Coluna

Infantil

Joelho

Mão

Ombro

Tornozelo e Pé

Quadril

Tumores

Discussões Osteometabólicas

Questão Osteometabólicas 001

Discussão:

Não ocorre alteração de nenhum destes valores na Osteoporose.

Questão Osteometabólicas 002

Discussão:

A DMO é o exame padrão-ouro para o diagnóstico de osteoporose. Avalia-se pelo T-score – desvios padrão em relação à massa óssea de indivíduos com 25 anos de idade.

Questão Osteometabólicas 003

Discussão:

T-score normal: ≥ -1. Osteopenia: ]-2,5;-1[ Osteoporose: ≤ -2,5 Osteoporose grave: + fratura.

Questão Osteometabólicas 004

Discussão:

A teriparatida é PTH humano recombinante, um agente anabólico. Todos os outros medicamentos agem impedindo o funcionamento dos osteoclastos.

Questão Osteometabólicas 005

Discussão:

A dose limite é 10.000UI/dia. De qualquer forma é quase impossível ter intoxicação por vitamina D nas doses recomendadas.

Questão Osteometabólicas 006

Discussão:

Pela norma, é realizada avaliação do rádio esquerdo.

Questão Osteometabólicas 007

Discussão:

O uso de contrastes radioativos e radiopacos altera a avaliação do exame. Embora a emissão de RX seja pequena, grávidas não devem realizar este exame. Não há contraindicação formal com relação a idade.

Questão Osteometabólicas 008

Discussão:

A DMO pode ser usada para avaliar a massa óssea ao redor da prótese, de forma mais precoce que o RX, sendo um sinal precoce de afrouxamento.

Questão Osteometabólicas 009

Discussão:

O baixo peso, as desordens nutricionais e a irregularidade menstrual leva a perda óssea em mulheres atletas.

Questão Osteometabólicas 010

Discussão:

Necessidades diárias de cálcio: 1-3 anos: 500 4-8: 800 9-18: 1000 a 1500 >50: 1200-1500 Vit D: 800-1000.

Questão Osteometabólicas 011

Discussão:

As principais causas de osteoporose no homem são secundárias (estima-se em 60%), principalmente alcoolismo, excesso de glicocorticoides, hipogonadismo. A causa primária atinge o resto e se associa a queda de testosterona. Neoplasias e cirurgias gástricas também são causas secundárias.

Questão Osteometabólicas 012

Discussão:

Raloxifeno é um modulador seletivo para receptores de estrógeno. Agonista de estrógeno no osso e sistema cardiovascular, e antagonista no útero e mamas, não causando, assim, risco de câncer de mama ou útero. Não é indicado para homens. Os outros agem nos osteoclastos.

Questão Osteometabólicas 013

Discussão:

Sedentarismo é a única coisa mutável dentre as opções acima. Poder-se-ia afirmar que sexo é mutável, mas mesmo cirurgias de mudança de sexo não modificam a genética.

Questão Osteometabólicas 014

Discussão:

Exames laboratoriais são utilizados para avaliar o metabolismo de vitamina D e cálcio, o status nutricional do paciente, e se a terapêutica está adequada. Devem ser solicitadas de acordo com as hipóteses diagnósticas.

Questão Osteometabólicas 015

Discussão:

São exames realizados em grandes centros e apresentam alto custo; entretanto, são excelente opção no tratamento da osteoporose. Idealmente, devem ser solicitados.

Questão Osteometabólicas 016

Discussão:

Tradicionalmente a osteoporose pode ser dividida em primária (alterações intrínsecas do metabolismo) e secundária (doença sistêmica). Também pode ser classificada em pós menopausa e senil (após 70 anos). Esta divisão é mais interessante pela diferenças entre si: questao 16 osteometabolica

 

Questão Osteometabólicas 017

Discussão:

Medicações que podem causar osteoporose: – Fenitoina – diminui metabolismo da vitamina D – Drogas citotóxicas/antineoplásicas – ISRS – TARV – Ciclosporina – Furosemida – MTX alta dose – Supersuplementação de T4 – Omeprazol – Corticoides – Heparina (NF ou HBPM) – Vitamina A – Tiazolidinedionas (rosiglitazona)

Questão Osteometabólicas 018

Discussão:

Vitamina A atua no osteoclasto, provocando reabsorção e hipercalcemia.

Questão Osteometabólicas 019

Discussão:

A dose mínima utilizada para o controle da osteoporose é 800. 400 é utilizado em crianças para prevenção do raquitismo.

Questão Osteometabólicas 020

Discussão:

30 é o valor desejável. <20 é muito baixo.

Questão Osteometabólicas 021

Discussão:

Falta de vitamina D provoca hipocalcemia e osteomalácia, com dor óssea difusa. Vale lembrar o Bizu: PTH: já tem P no nome, então diminui P e aumenta Ca. Estimula produção de vitamina D; aumenta reabsorção renal de Ca e excreção de P; indiretamente promove aumento da função do osteoclasto. Calcitonina: já tem Ca no nome, então aumenta P e diminui Ca. Aumenta excreção renal de cálcio; inibe reabsorção óssea por inibição da diferenciação dos osteoclastos. Vitamina D: Não tem nenhum dos dois no nome, então aumenta P e Ca. Estimula a absorção intestinal e a reabsorção óssea.

Questão Osteometabólicas 022

Discussão:

OS bisfosfonatos agem inibindo a enzima farnesil difosfato sintase (FPP sintase), que atua no osteoclasto pela via do mevalonato, inibindo sua ação e levando a apoptose.

Questão Osteometabólicas 023

Discussão:

É considerado como um exame de triagem para saúde pública, indicando pesquisa clínica da doença.

Questão Osteometabólicas 024

Discussão:

Os intestinos promovem absorção do cálcio; os rins filtram e reabsorvem ou excretam; o esqueleto serve de estoque. Paratireoide não deixa de ser um participante, porém atua mais na organização, e de uma forma menos intensa que os outros órgãos responsáveis pela homeostase.

Questão Osteometabólicas 025

Discussão:

Osteoartrose é uma doença degenerativa da cartilagem e subsequentemente do osso. Os osteoclastos agem nas outras doenças.

Questão Osteometabólicas 026

Discussão:

Liberação de hormônios, prostaglandinas e formação óssea por microtraumas, seguindo a lei de Wolff, aumentam a DMO pelo estímulo mecânico. Entretanto, é necessária boa vascularização, portanto, aumento do fluxo sanguíneo.

Questão Osteometabólicas 027

Discussão:

O bizu para lembrar as funções da calcitonina, vitamina D e PTH é: Tudo que aumenta cálcio age nos intestinos. Todos agem também nos ossos. Só a vitamina D não age nos rins. Calcitonina: já tem Ca no nome. Portanto, sua função é baixar o cálcio sérico (provocando depósito). Estimulado por Ca elevado, inibido por Ca diminuído. Como baixa o cálcio, não age nos intestinos. Aumenta excreção renal de cálcio, inibe reabsorção óssea. Vitamina D: Não tem nem Ca, nem P no nome, portanto age aumentando os dois. Sendo assim, fatores que estimulam sua produção é Ca e P diminuídos e PTH elevado. O oposto inibe. Como quer aumentar cálcio, age nos intestinos aumentando a absorção de Ca e P. Da mesma forma que o PTH, estimula reabsorção óssea. Não age nos rins. PTH: Tem P, mas não tem Ca no nome, portanto aumenta cálcio e diminui fósforo. Estimulado por Ca diminuído, inibido por Ca ou vit D elevados. Age indiretamente no intestino através da vitamina D. Estimula conversão de vitamina D nos rins, aumenta reabsorção de Ca e excreção de P. Aumenta indiretamente reabsorção óssea (através de IL-6). Tem efeito anabólico no osteoblasto.

Questão Osteometabólicas 028

Discussão:

Osteoporose Dividida em Primária (idiopática, mais comum) e Secundária. A primária ainda é dividida em dois subtipos: 1 – pós menopausa; 2 – senil. questao 28 osteometabolica Secundári: distúrbio endócrino ou metabólico. Hiperpara, DM< uso de CTC, menopausa cirúrgica, tumor de medula óssea, mieloma. Fatores de risco comportamentais e ambientais: Álcool e tabaco, inatividade, sedentarismo, má nutrição (baixa ingestão de cálcio), amenorreia por exercícios físicos, dieta com alta ingestão de fibras, fosfatos e proteínas. É impossível reverter a osteoporose estabelecida, de forma que o tratamento é prevenir quando precoce, ou alterar a progressão quando tardio.

Questão Osteometabólicas 029

Discussão:

A osteoporose senil é mais comum em mulheres, mas apresenta cálcio sérico normal. Na pós menopausa (tipo I), a calciúria é aumentada.

Questão Osteometabólicas 030

Discussão:

Escore de Capacidade Funcional da AAR: I – Habilidade completa de executar todas as funções usuais sem deficiências. II – Adequado para atividades normais apesar de deficiências pelo desconforto ou mobilidade limitada de uma das articulações III – Limitada ou nenhuma das atividades usuais ocupacionais ou de auto cuidados. IV – Incapaz, grandemente ou totalmente acamado ou confinado a uma cadeira de rodas, com pouco ou nenhum autocuidado.

Questão Osteometabólicas 031

Discussão:

Osteoporose tipo I (pós menopausa) afeta primariamente mulheres de 55 a 65 anos, é relacionada a deficiência de estrogênio e resulta principalmente em perda de osso trabecular, manifestando-se com fraturas axiais. Osteoporose tipo II, ou senil, afeta tanto homens quanto mulheres (1:2), com 65 anos de idade ou mais, e se relaciona à perda crônica de cálcio ao longo da vida. Resulta em perda óssea cortical e leva a fraturas de ossos longos.

Traumatologia e Ortopedia

New Report

Close