Neuroprótese

Uma mão que poderá mudar vidas, devolvendo sensações àqueles que foram amputados.

O dispositivo é de baixo custo e o utilizador demora cerca de 15 minutos para aprender a usar.

Massachusetts Institute of Technology desenvolveu desenvolveu uma neuroprótese, com cerca de meio quilo, que custa cerca de 500 dólares em componentes. Esta consiste numa mão insuflável feita de um elastómero chamado EcoFlex que poderá dotar os amputados de alguma sensibilidade outrora perdida.

Contrariamente ao que por vezes é desenvolvido, a neuroprótese não utiliza motores elétricos. Por sua vez, conta com um sistema pneumático que incha e dobra os seus dedos em forma de balão. A mão consegue assumir várias posições e pegas, permitindo ao amputado executar ações como acariciar um gato ou pegar no gelado. De forma a percecionar o que o utilizador pretende gesticular, utiliza um software que descodifica a eletromiografia que o cérebro emite para um dos membros.

Durante os testes, os dois voluntários demoraram cerca de 15 minutos a perceber o funcionamento da neuroprótese, tendo escrito com uma caneta e empilhado damas.

Saiba mais: https://www.nature.com/articles/s41551-021-00767-0

Inscrever-se
Avisar sobre
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Traumatologia e Ortopedia
0
Deixe um comentário ou dúvida sobre o assunto aqui. Não precisa de conta, todos podem escrever.x
()
x

New Report

Close