Classificação de Tscherne

 Na classificação de Tscherne, as lesões de partes moles são agrupadas de acordo com a gravidade em 4 categorias diferentes, junto com isso a fratura é rotulada como exposta ou fechada por um “O” (open) ou “C” (closed).

Fratura exposta grau I (Fr. O I): Pele lacerada por um fragmento ósseo vindo de dentro. As frat são resultado de trauma indireto. Nenhuma ou pouca contusão da pele.

Fratura exposta grau II (Fr. O II): Qualquer tipo de laceração cutânea, lesão grave de partes moles, contaminação moderada.

Fratura exposta grau III (Fr. O III): Extensa lesão de partes moles, freqüentemente com uma lesão adicional a um vaso ou nervo importante. Isquemia e cominuição óssea grave. Acidentes no campo, ferimentos a bala, síndrome compartimental.

Fratura exposta grau IV (Fr. O IV): Amputações subtotais e totais

Fratura fechada grau I (Fr. C I): Ausência ou lesão pequena de partes moles. Fraturas simples com um mecanismo indireto de fratura.

Fratura fechada grau II (Fr. C II): Escoriação superficial ou contusão pela pressão do fragmento de dentro para fora.

Fratura fechada grau III (Fr. C III): Escoriações profundas contaminadas e contusões localizadas na pele e nos músculos por meio de um trauma direto.

Fratura fechada grau IV (Fr. C IV): Contusões cutâneas extensas, destruição da musculatura, avulsão do tecido subcutâneo. Fraturas graves e cominuídas. Síndrome compartimental e lesões vasculares.

Inscrever-se
Avisar sobre
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
0
"Gostaria de saber o que pensa do assunto, deixe um comentário ou dúvida aqui"x
()
x

New Report

Close