Fisiologia óssea

Fatores que regulam a densidade óssea

Osteoblastos: responsáveis pela deposição de osteóide
– Derivados de células fonte
– Produz fosfatase alcalina -> usada para identificar atividade
– Quando fica preso no osso: fica quiescente e chamado de osteócito

Osteoblastos e osteócitos também conseguem reabsorver osso e são os primeiros a fazê-lo quando há necessidade

Osteoclastos: derivados de monócitos circulantes
– Osteoclastos formam cavidades chamadas lacunas de Howship
– Há relação íntima entre osteócitos e osteoclastos
– PTH: ação sobre osteoclastos ocorre através dos osteócitos

Moduladores da densidade óssea

1º: Homeostase do cálcio: principal

Cálcio:

– Neurônios: atividade inversamente proporcional ao Ca++
– Cardíaco: diretamente proporcional

Balanço normal do cálcio
– Absorção do estômago, armazemanto no osso e excreção renal
– Estocado em ossos na forma de hidroxiapatita Ca10(PO4)6(OH)2
– Hidroxiapatita: não é solúvel em água
– Ca++ sérico: excede concentração crítica no pH normal -> deposição com gasto reduzido de energia

Transporte ativo de cálcio (não há difusão passiva)
– Regulado pela forma ativa da vitamina D, PTH e concentração de fosfato

PTH: produção na paratireóide
– (+) da expressão com cálcio baixo
– Ação direta: libera Ca++ das mitocôndrias para o ambiente intracelular
– PTH + vitamina D: aumento da absorção intestinal e renal e quebra de hidroxiapatia
– PTH: (+) reabsorção pelo osteoblasto que (+) os osteoclastos
– diminui reabsorção tubular de fosfato -> aumento de excreção

Vitamina D (vitD): 2 fontes: dieta (vitD2) e a pele (VitD3) – são lipossolúveis
– Necessita ser metabolizada para ter ação periférica
– Luz ultravioleta
– Fígado: é convertida em hidroxicolicalciferol (25-HCC).
– Rim: transformado em dihidroxicolicalciferol (24,25 ou 1,25-DHCC) que aumenta absorção intestinal do cálcio (Ca++)
– Ca++ sérico diminui e PTH aumenta: conversão para 1,25 (mais potente)
– concentração de fosfato aumenta: induz formação da 24,25 (menos potente)
– redução de vitD > redução do Ca++ que -> (+) PTH
– Necessidades dietéticas na criança: 200 UI por dia

2º Fatores hormonais

Esteróides sexuais:

Estrógeno: mais potente
– (-) a ativação de RANK que inibe a ação de osteoclastos

Hormônio tireoidiano: geralmente favorece a ação de osteoclastos

Corticoesteróides
– (-) ação de osteoblastos – aumenta excressão de cálcio urinário -> aumento do PTH

Calcitonina: produzido por células parafoliculares da tireóide
– Pouco papel em humanos
– (-) a reabsorção óssea e a reabsorção de cálcio e fórforo no rim

3º Força física: estresse sobre os ossos

Necessidade de cálcio

– Lactentes 2.000 mg/dia
– Mulher > 30 anos: 1.000 mg/dia
– Mulher > 50 anos: 1.500 mg/dia

> Arquivos de Apresentações em ppt

Última atualização porMarcioR4

Deixe uma mensagem