Neuroma de Morton

Conceito

Neuropatia compressiva do nervo digital no ligamento transverso do antepé. As alterações histológicas ocorrem distais ao ligamento transverso: fibrose perineural, degeneração das fibras nervosas, deposição de material eosinofílico amorfo, diminuição no número e diâmetro das fibras mielínicas.

Características clínicas

• Local: terceiro espaço interdigital – confluência de ramos dos nervos plantar medial e lateral. O 1°/ 4° espaços interdigitais são mais largos e, por isso a incidência é menor.
• Fatores: sapatos de salto alto, sola fina, compartimento anterior do calçado estreito
• 8-10 vezes mais freqüente em mulheres

Diagnóstico

• Mulheres, aproximadamente 50 anos de idade
• Bilateral: 15%
• A incidência entre atletas está aumentando
• Dor no antepé em queimação com irradiação para os dedos que normalmente melhora com a retirada dos sapatos
• Fazer o Tinel na região do túnel do tarso para excluir compressão mais alta
• MULDER SIGN (sinal): sintomas são reproduzidos com a compressão de medial para lateral dos dedos
• Pesquisar dor na articulação MTF – não é típico do Morton, pensar em outro diagnóstico (sinovite MTF)
• RX: auxilia a excluir outras causas de compressão ou dor
• US e RNM são métodos úteis. US é utilizado para identificar outros neuromas no mesmo paciente. Para saber qual neuroma está causando a sintomatologia, é indicado injeção de solução anestésica local e observação da resposta.

Sinal de Mulder
Sinal de Mulder: presença de um “clique” quando as cabeças dos metatarsianos são manualmente comprimidas entre si. É comum uma dormência subjetiva dos dedos no espaço envolvido, mas são raros os sinais objetivos da redução de sensibilidade.

Tratamento

Conservador: mudança de calçados (retorno em 3 meses para avaliar resposta), AINEs, injeção corticosteróides (deve ser feita apenas uma vez, devido à atrofia gordurosa e mudanças na pigmentação da pele.

Cirúrgico:
• Dorsal: 80% de bons resultados = técnica mais usada. Secção do nervo e supultamento de sua extremidade na cápsula articular ou músculos interósseos. Fazer secção do ligamento transverso.
• Plantar: menos utilizado devido à possibilidade de cicatriz plantar dolorosa. Preferido para neuromas recorrentes.
• Secção do ligamento transverso: questionável, pois a avaliação de casos de recidiva mostrou que o ligamento se reconstitui com o tempo.

> Arquivos de Apresentações em ppt

Autor: Dr. Márcio Silveira – ortopedista especialista em esportiva

Última atualização porMarcioR4

Deixe uma mensagem