Bactérias produzindo fibra muscular

Uma pesquisa está usando bactérias para produzir fibras baseadas em titina, com propriedades que a permitiriam substituir de algodão a até mesmo Kevlar, usado em coletes à prova de balas.

A Natureza continua dando ideias para pesquisadores que trabalham no desenvolvimento de novos materiais.

A titina, também conhecida como conectina, é a maior proteína conhecida (ela mede mais de 1 micrômetro) e é importante na contração muscular, funcionando como as “molas” da elasticidade passiva das estruturas orgânicas, ou seja, a ela cabe retornar uma fibra à sua posição original, depois de estendida. Seu nome completo contém quase 190 mil caracteres, e é a terceira proteína muscular mais abundante em humanos, perdendo apenas para a miosina e a actina. Em um adulto saudável, ela responde por cerca de 500 g do peso total.

E. coli é usada para produzir diversos compostos, como insulina, há muito tempo. A bactéria é suficientemente versátil para permitir que ao manipular seus genes, é possível instruí-la para sintetizar praticamente qualquer proteína desejada, mas sua produção é bem mais simples. Isso porque a titina na Natureza só é produzida em células eucariontes, com núcleo e organelas definidos, e bactérias são procariontes.

Como as bactérias só eram capazes de produzir segmentos pequenos de titina, os pesquisadores tiveram que programá-las para que elas fossem capazes de juntá-los em segmentos maiores, que os cientistas posteriormente processaram em fibras de 10 mícrons de espessura, cerca de 10 vezes mais finas do que um fio de cabelo humano.

A diferença é que por ser composta de uma proteína orgânica altamente resistente, as fibras de titina são incrivelmente fortes, no que a equipe acredita que o material poderia inclusive ser usado em aplicações militares, apresentando uma resistência maior do que o kevlar, além de ser mais maleável. Elas podem ser usadas também na área médica, como suturas em operações ou bioengenharia de tecidos, por ser biocompatível e imune à rejeição.

Inscrever-se
Avisar sobre
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Traumatologia e Ortopedia
0
Deixe um comentário ou dúvida sobre o assunto aqui. Não precisa de conta, todos podem escrever.x
()
x

New Report

Close