Classificação de compartilhamento de carga McCormack

Início Fóruns Traumatologia e Ortopedia Classificação de compartilhamento de carga McCormack

Marcado: 

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Textos
  • #116495 Responder
    AvatarMarcioR4
    Mestre

    Sinônimos

    Classificação de compartilhamento de carga de McCormack-Gaines, classificação de compartilhamento de carga de fraturas por explosão.

    Artigo Fonte

    McCormack T, Karaikovic E, Gaines RW. A classificação de divisão de carga de fraturas da coluna vertebral. Spine 1994; 19: 1741–4.

    Descrição

    Um sistema de pontos foi desenvolvido em 1994 por McCormack e Gaines para descrever a lesão medular. A classificação de divisão de carga avalia a extensão da cominuição do corpo vertebral, a quantidade de deslocamento da fratura e a quantidade de correção da deformidade cifótica (ver esquema abaixo).

    Método de Pontuação

    Segundo os autores, com este sistema de pontos, as fraturas com cominuição leve, totalizando 6 pontos ou menos, podem ser reparadas com sucesso por via posterior com implantes de parafusos pediculares. Fraturas severamente cominutivas com pontuação de 7 pontos ou mais devem ser reparadas por uma abordagem anterior com vertebrectomia e enxerto de haste.

    Referência:
    McCormack T, Karaikovic E, Gaines RW. The load-sharing classification of spine fractures. Spine 1994;19:1741–4.

    Área de Anexos:
    Você deve entrar - login - para ver os arquivos anexados.

    Esta é uma plataforma colaborativa, para trocar informações no ramo de Traumatologia e Ortopedia. Contribua com informações e arquivos que estejam faltantes e através dos comentários nos artigos e tópicos. Quer ter um grupo privado para seu curso, residência ou liga, com fórum e arquivos reservados aos membros e com moderação própria? Peça aos administradores.

Visualizando 1 post (de 1 do total)
Responder a: Classificação de compartilhamento de carga McCormack

Você pode usar BBCodes para formatar seu conteúdo.
Sua conta não pode usar BBCodes avançados, eles serão removidos antes de serem salvos.

Sua informação:




Traumatologia e Ortopedia

New Report

Close